terça-feira, 10 de agosto de 2010

Periodicamente


De vez em quando tudo volta e me atormenta como se fosse a primeira vez. Mas eu me recuso a lembrar, aceitar que o tempo passou como eu não queria e ter que esquecer pela milésima vez os clichês que eu inventei só pra você. É como se a cada mês, o mundo girasse ao contrário e me pusesse de volta o sorriso no rosto só pra que ele sumisse quando tudo voltasse ao normal. É me fazendo vontade que o tempo joga na cara todos os erros, toda a angústia boba que o medo de ser só de você me causava.
O tempo faz questão de brincar de lembranças comigo, e por mais que ele passe, por mais que você passe e por mais que eu inevitavelmente não seja mais a mesma, o fantasma do que a gente foi ainda faz eu me arrepiar cada vez que aparece pra mim.
Mas eu to avisada, menino, que foi só questão de tempo pra gente se perder por aí na chuva, num barzinho ou em qualquer canto em que não estivemos, foi só questão de tempo pra eu ter que aprender a andar sempre com o meu coração no bolso na esperança da gente de repente se encontrar por aí e eu entregar ele inteiro e acelerado nas suas mãos sem jeito, que nunca vão saber satisfazê-lo.


ps: Texto de 30.10.2009
ps²: muito obrigada à http://derestart.blogspot.com/ pelo selinho ! ;*

14 comentários:

  1. As vezes sentimentos voltam a tona,sem que tenhamos o menor controle sobre eles. 'eu coloquei meu coração no bolso,mas apareceu um moço e tirou ele daqui.'

    Ah,hauuhauha brigada pelo seu comentário.Sabe que tenho alguns amigos que já me falaram isso?De música e tal.Eu escrevo pensando em letras de musica,por isso tem algumas rimas(pra dar sonoridade),mas trabalhar isso profissionalmente,não sei.

    um beiji,Malú.

    ResponderExcluir
  2. amei o blog,seguindo..
    segue?
    http://viiviihmdiario.blogspot.com/
    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  3. Antes eu desejava escolher a dedo as memórias que eu guardaria comigo e o resto deletar de vez, mas apesar de algumas lembranças serem tormentos, depois a gente descobre que tudo aconteceu por um motivo!
    Caramba, gostei muito desse aqui cunhalda s2
    ...Eu só não entendi a semelhança entre trens e bumerangues! kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. USAHSUSHUASHSAUHSAUSA, GOSTEI DO SEU BLOG !

    ResponderExcluir
  5. Amei o blog flôr .. Já estou seguindo *.*
    O post tá lindo , tenho medo de passar por isso , mas sei que cedo ou tarde irei passar , tenho medo porque meu namoro já é longo , então deve ser mais difícil !!!


    Beijinhos#

    ResponderExcluir
  6. Adorei o texto. A gente vive se perdendo no amor, reencontrando as pessoas mais além, virando a esquina, só pra perder tudo de novo duas quadras depois.

    ResponderExcluir
  7. 'toda a angústia boba que o medo de ser só de você me causava' - essa angústia é terrível mesmo, mas só isso traz aquelas sensações tão estranhamente boas, né?
    amei, amei, amei esse texto!
    beeijo, tô seguindo!

    ResponderExcluir
  8. Muito fofo e interessante o seu blog...se vc quizer dá uma olhadinha no meu blog tbem e siga!bju

    ResponderExcluir
  9. Maravilhoso é manter viva a esperança de um dia encontrá-lo e confiar à ele mais uma vez o seu coração. Amei o seu texto, de verdade.

    ResponderExcluir
  10. Malú,tem selo para você no meu blog.

    =)

    um beijo

    ResponderExcluir
  11. Amei os textos.
    Amei o blog.
    Seguindo. Segue tbm?
    http://www.deesneeurando.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Oiii seu blog é bem legal, amei!
    depois visita o meu?

    http://blogdeumagarotaadolescente.blogspot.com/

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Ameeei o Blog Gataa!
    Bem que me disseram, vc escreve muiiito!
    ;)
    Beeeeeijo.

    ps.: Sei como é andar com o coração no bolso! ^^

    ResponderExcluir